Reflexões sobre o fechamento da fábrica da ford

Mauro Miaguti

Hoje é um dia triste para a cidade de São Bernardo do Campo. Após 52 anos de história a fábrica da FORD encerra as suas atividades em nossa cidade.

A unidade de São Bernardo é uma das mais antigas do país, uma unidade cheia de história. O início de suas atividades se deu com a produção do Jeep Willys.

A crise pela qual passa indústria em nossa cidade é algo que já vínhamos prevendo há alguns anos. Os motivos são os mais diversos: alta carga tributária, falta de incentivos, processo de desindustrialização, crise mundial e por ai afora.

Mas, além de tudo isso, existe algo acontecendo no mundo, tudo está mudando e em uma velocidade muito rápida, tão rápida que, se piscarmos os olhos, vamos perder a oportunidade de acompanhar essa transformação.

Desde o início do ano venho debatendo ao lado de um grupo formado por pessoas que têm em comum um objetivo bastante claro: transformar São Bernardo do Campo em um grande centro de inovação.

Esse grupo é inspirado em um movimento que vem acontecendo em diversas cidades do mundo como: Paris, Barcelona, Berlim, São Francisco… Essas cidades criaram espaços de inovação, movidas por uma visão a longo prazo.

Elas perceberam que o mercado estava se transformando, que as pessoas estavam mudando a forma de consumir, de se vestir, de morar, de se locomover e saíram na frente através desses centros de inovação.

A boa notícia é que é possível transformarmos a nossa cidade em um grande centro de inovação.

E quando se fala em inovação, em geral, a primeira coisa que vem a mente é a tecnologia, mas não é apenas isso. Como tenho aprendido nesses encontros, inovação é cultura. A inovação só acontece quando se muda a cultura e é isso que nós precisamos, mudar a nossa cultura, sermos um povo proativo, que não espera a crise chegar para se transformar, que se transforma antes do problema surgir.

O fundador da FORD, o empreendedor e inventor Henry Ford, era um visionário. Ele foi o primeiro empresário a perceber que era possível a produção em massa de automóveis com menos tempo e um custo menor. Sua inovação revolucionou os transportes e a indústria nos Estados Unidos.

Estamos vivenciando uma nova revolução e com ela surge a necessidade de transformação, de ação, de planejamento de futuro. O modelo antigo de administrar, o modelo antigo de empresas, o modelo antigo do emprego, do trabalho, ele está dando os seus suspiros finais.

Henry Ford disse certa vez: “O passado serve para evidenciar as nossas falhas e dar-nos indicações para o progresso do futuro.”

É o momento de refletirmos: o que um visionário e inventor como Henry Ford faria diante desse cenário?

Que as lições aprendidas com o encerramento das atividades da FORD em nossa cidade possibilitem que, em vez de lamentarmos e apenas apontarmos culpados, possamos agir na construção de uma nova São Bernardo.


0 visualização
soon-873316_640.png
ENVIE UMA MENSAGEM NO WHATSAPP
logo instagram site.png
  • Facebook ícone social
  • Twitter ícone social
  • YouTube ícone social
  • Flickr ícone social

Praça Samuel Sabatini, 50
1º andar - Sala A7
Centro – São Bernardo do Campo - SP

​​

Telefone

(11) 4331-4360

(11) 4331-4361

(11) 98123-8280 whatsapp

E-mail: mauromiaguti@camarasbc.sp.gov.br

FALE CONOSCO POR E-MAIL

© 2019 Mauro Miaguti.